Você está no arquivo de Nápoles.

Avatar de admin

por admin

Oração a São Gennaro

30 de janeiro de 2010 em Orações Católicas

Padroeiro de Nápoles

Oh! Gennaro atleta da fé de Jesus Cristo, patrono da católica Nápoles, volta o teu olhar benigno para nós, e digna-te a acolher os votos que com plena fé no teu poderoso patrocínio depositamos hoje aos teus pés.

Quantas vezes acorreste solícito em ajuda dos teus concidadãos, às vezes desviando o caminho da lava exterminadora do Vesúvio e, às vezes, prodigiosamente nos libertando da peste, dos terremotos, da fome e de tantos outros castigos divinos os quais lançavam o medo em nosso meio!

O perene milagre da liquefação do teu sangue é sinal seguro e mais que eloquente de que vives em meio a nós, conheces as nossas necessidades e nos protege de uma maneira assaz singular.

Ora! Ora por nós que a ti recorremos, seguros de sermos atendidos; e liberta-nos de tantos males, que de toda parte nos oprimem. Salva a tua Nápoles da incredulidade invasora, e faz com que aquela fé, pela qual generosamente sacrificaste a tua vida, renda sempre em nosso meio, frutos de santas obras. Assim seja, Amém

Avatar de admin

por admin

São Adriano de Canterbury

29 de janeiro de 2010 em Santos da Igreja Catolica

Nasceu na África .São Adriano tornou-se Abade em Nerida, perto de Nápoles, Itália.

Com a morte do Arcebispo de Canterbury, o Papa Vitalian escolheu Adriano para tomar o lugar do Arcebispo por causa de sua grande cultura e piedade. Adriano parecia ser perfeito para substituir o antigo bispo por causa de seus notáveis conhecimentos e ser um líder em uma nação nova na Cristandade. Mas Adriano não aceitou dizendo que não era bom para um cargo de tão grande dignidade. Ele disse que iria encontrar outro mais adequado para o cargo.

O primeiro substituto estava muito doente para tornar-se um Arcebispo. De novo o Papa pediu a Adriano que aceitasse o cargo e de novo Adriano implorou que permitisse que encontrasse um substituto mais digno para o cargo. Naquela época um renomado monge de Tarso,  chamado Theodoro se encontrava  em Roma. Adriano indicou Theodoro para o Papa. Theodoro aceitou tornar-se o Arcebispo de Canterbury, mas somente se Adriano concordasse em ir para a Inglaterra para ajudá-lo. Adriano aceitou. Em 26 de março de 668 Teodoro foi consagrado Arcebispo de Canterbury e dois meses depois os dois velejaram para a Inglaterra.

 Eles eram uma dupla perfeita. Teodoro nomeou Adriano Abade da Abadia de São Pedro e São Paulo, mais tarde chamada de Abadia de Santo Agostinho, onde ele ensinou grego e latim por 39 anos . Ali as virtudes e os conhecimentos de Adriano eram muito bem empregados. Ele ainda ensinava matemática, poesia, astronomia e as Sagradas Escrituras, nas quais era considerado um mestre.  

Na mente dos estudantes Adriano “derramou água de conhecimentos dia a dia” de acordo com o Venerável Bede. A escola ficou famosa pelos seus ensinamentos e treinou alguns notáveis como Santo Aldhelm e Santo Oftfor.

Bede lembra que São Adriano era um grande conhecedor das escrituras, experiente administrador da Igreja e do Monastério, e um notável especialista em latim e grego. 

Ele também comenta que alguns estudantes de Adriano falavam fluentemente latim e grego como se fosse sua língua nativa.

O abade também ajudava o Arcebispo nos problemas pastorais. Não há duvida que o grande crescimento da Igreja no tempo de Teodoro se deve em muito a Adriano.

Adriano era também notável pelos seus milagres que ajudavam os estudantes a compreenderem melhor os ensinamentos de Jesus.

Faleceu em Canterbury , Inglaterra em 9 de Janeiro de 710 de causas naturais.

Após sua morte, sua tumba se tornou local de peregrinação e vários milagres foram associados a sua tumba na Igreja de Santo Agostinho e creditados a sua  intercessão. O seu corpo foi encontrado incorrupto em 1091.

Avatar de admin

por admin

Santo Afonso

29 de janeiro de 2010 em Santos da Igreja Catolica

Bispo e Doutor da Igreja e fundador da Congregação dos Padres Redentoristas. Ele nasceu Alfonsus Marie Antony John Cosmos Damien Michael Gaspard de Liguori, em 27 de setembro de 1696 em Marianella, perto de Nápoles na Itália, Educado em um lar piedoso, Alfonso foi em retiros espirituais com o seu pai Dom Joseph, que era um capitão da marinha real. Alfonso era o mais velho de sete filhos e criado por uma mãe católica devota de origem espanhola. Era muito inteligente, estudioso e foi educado na Universidade de Nápoles e recebeu seu diploma na idade de 16. Na idade de dezenove, praticava advocacia, mas viu a natureza transitória do mundo secular e após um breve período, se retirou dos tribunais e de sua fama. Visitando um hospital local para incuráveis, no dia 28 de agosto de 1723, ele teve uma visão na qual foi dito para consagrar a sua vida somente a Deus. Em resposta, Alfonso dedicou a si próprio uma vida religiosa sofrendo inclusive perseguições da própria família. Finalmente se tornou um padre e passou a viver numa casa com alguns missionários. Foi ordenado em 21 de dezembro de 1726 e passou 6 anos dando sermões em Nápoles.
Em abril de 1729 Alfonso foi viver no Colégio Chinês fundado em Nápoles pelo Padre Mateus Ripa, Apóstolo da China. Lá conheceu Tomas Flacoia, fundador da congregação dos Trabalhadores Piedosos. Esta amizade fez com que Alfonso, em associação com a Irmã Maria Celeste, fundasse a Congregação dos Mais Santos Redentores, em 9 de Novembro de 1732. A fundação enfrentou desde o início vários problemas e após um ano ele, um irmão leigo e outros companheiros se retiraram, para fundar sua própria organização religiosa.
Ele começou de novo, recrutando novos membros e em 1743 tornou-se o Prior de duas novas congregações, uma para homens e outra para mulheres. O Papa Benedito XIV ( 1740-1758) deu sua aprovação para a Congregação dos homens em 1749 e das mulheres em 1750. Alfonso fazia missões e pregações nas áreas rurais e escreveu vários ensaios importantes. Ele recusou-se a ser bispo de Palermo, mas em 1760 aceitou o comando papal de chefiar a Sé de Santa Ágata no Goths, perto de Napoles. Ali ele descobriu mais de 30.000 homens e mulheres analfabetos e 400 padres indiferentes. Por 13 anos, ele alimentou os pobre, instruiu as famílias, reorganizou os seminários, as casas religiosas, ensinou teologia e escreveu vários tratados. Sua austeridade era rigorosa e ele sofria de reumatismo, que começou a deformar o seu corpo. Ele passou vários anos tendo que beber através de tubos, porque sua cabeça não podia inclinar para a frente.
Atacado de febre reumática, de maio de 1768 a junho de 1769, que o deixou paralítico, ele finalmente deixou sua Sé, em 1775.
Em 1780 Afonso, foi enganado em assinar, um termo de submissão, para obter a aprovação Real de sua Congregação. A submissão alterou as regras originais e como resultado, Alfonso foi destituído de sua autoridade entre os Redentoristas.
Deposto e excluído de sua própria congregação, Alfonso sofreu grande angustia, mas como que para superar a sua depressão, ele teve visões e executou vários milagres e fez varias profecias que se concretizaram. Ele morreu pacificamente no dia 1 de agosto de 1787 em Nocera di Pagani, perto de Nápoles e o sino de Angelus tocou inexplicavelmente na igreja matriz. Alfonso foi beatificado em 1816 e em 1839 foi canonizado. Em 1871 Alfonso foi declarado Doutor da Igreja pelo Papa Pio IX.
Seus escritos sobre moral, teologia, e em assunto complexos, controvertidos e apócrifos, tiveram grande impacto e sobreviveram por anos especialmente seu trabalho “Teologia Moral” e “As Glorias de Maria”. Ele é ainda considerado um grande especialista na Virgem Maria (mariólogo). Ele foi enterrado no monastério de Pagani. Templos em sua honra foram construídos em Santa Agatha de Goths. Ele é o padroeiro dos confessores, teólogos, e apostolado leigo e das vocações.
A liturgia católica ele é mostrado com o corpo curvado pelo reumatismo .

Sua festa é celebrada em 1 de agosto.

NA: Cumpre notar que a imagem de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro após ter sido encontrada em 1746 foi colocada, em 26 de abril de 1866, na Igreja de Santo Afonso em Roma e tem sido a ele atribuído as graças obtidas através da sua intercessão junto a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Avatar de admin

por admin

São Caetano

29 de janeiro de 2010 em Santos da Igreja Catolica

São Caetano, também chamado de São Gaetano. Nasceu em outubro de 1480 em Veneza como Gaetano dei Conti di Tiene.
Ele era filho do Conde Garpar de Thiene e Maria di Porto. Quando ele tinha dois anos seu pai foi morto em batalha. Criado por sua mãe, ele estudou na Universidade de Pádua, recebendo doutorado em lei civil e canônica. Como senador em Vicenza, Caetano foi a Roma onde o Papa Julius II (1503-1513) fez dele um protonotário, um posto que ele renunciou quando o Papa Julius morreu em 1513.Caetano foi ordenado em 1516 com 36 anos e entrou para a Ordem dos Oratórios de São Jerônimo, dedicado a cuidar dos doentes. Ele fundou um Oratório em Verona e em 1520 foi para Veneza. Em 1523 com Giovanni Pietro Carafa ,que tornou-se Papa Paulo IV (1555-1559) e com Paulo Consigliere e Bonifácio da Calle, Caetano fundou os Treatines, uma congregação de padres reformistas que assistiram a Reforma Católica. Ele fundou um hospital para vitimas de doenças incuráveis.Ele fundou um banco – como alternativa aos agiotas da epoca com juros altissimos- para emprestar aos pobres, atualmente o Banco de Napoles.
Tinha o habito de jogar com priosioneiros varios jogos nos quais ele apostava orações, devocioários e velas. Diz a tradição que ele sempre perdia e tinha assim que “pagar”  com orações para eles.
Ele continuou trabalhando com os pobres junto com o Beato João Manrinoni.

Ele morreu em Nápoles em 7 de agosto de 1547. Ele é padroeiro dos Treatines e dos animais domésticos. Foi canonizado pelo Papa Clement X em 1671.

Suas relíquias estão guardadas em Munique e em Nápoles.

Sua festa é celebrada no dia 7 de agosto.

Avatar de admin

por admin

São Camilo

29 de janeiro de 2010 em Santos da Igreja Catolica

Nasceu em Bocchianico, Itália, Camilo lutou por Veneza contra os turcos percorrendo uma carreira militar e de jogador e terminando sem um centavo em Nápoles em 1574. Camilo entrou para a ordem do Franciscanos Capuchinos mas teve que sair devido a uma perna doente provocado por ferimentos na guerra contra os turcos. Devotado aos doentes e pobres Camilo chegou a ser diretor do Hospital São Giacomo em Roma. Seu confessor na época era não menos que São Felipe Neri e dele recebeu permissão para ser ordenado. Com dois companheiros ele fundou uma congregação para ajudar aos doentes chamada “Ministros dos Doentes ” os Camilos.
Ele foi ordenado pelo Bispo Thomas Goldwell de São Asaph da Inglaterra e iniciou sua congregação, aumentou suas casas em 1583 e abriu uma casa em Nápoles. Camilo e seus homens cuidavam de doentes que chegavam com a praga em navios no porto de Roma. Em 1591 o Papa Gregório XIV aprovou oficialmente a Congregação e Camilo enviou seus membros para Hungria e Croacia. Eles trabalharam na primeira unidade medica de campo para cuidar de feridos na frente de batalha. Muito doente São Camillus renunciou como superior de sua Congregação em 1607 e faleceu pouco depois em Roma em 14 de julho de 1614. Ele foi canonizado em 1746 e declarado junto com São João de Deus, padroeiro dos doentes, pelo Papa Leao XIII (1878-1903).
O papa Pio XI (1922-1939) o indicou como padroeiro das enfermeiras e enfermeiros. Suas relíquias estão em Roma. Na arte litúrgica da Igreja ele é mostrado com a túnica da Ordem e é chamado “Pai da Boa Morte”.

Sua festa é celebrada no dia 14 de julho.

Avatar de admin

por admin

Santa Fortunata

29 de janeiro de 2010 em Santos da Igreja Catolica

As vezes chamada de Maria Fortunata da Caesarea, nasceu na cidade de Caesarea, na Palestina filha de família nobre. Virgem e martir, foi convertida ao cristianismo em torno de  302 e presa com seus irmãos Carponius, Evaristo e Prisciano. Foi martirizada para renunciar a sua fé e oferecer sacrifícios aos deuses romanos e como não o fizesse foi martirizada e finalmente morta.
 No reinado do imperador Diocleciano, o martírio era feito amarando-a a um poste e girava-se um roda de madeira com pás de ferro junto ao seu corpo e as pás iam dilacerando a carne num suplicio infernal. Os estudiosos dizem que as pás eram feitas, na época, de ferro pelos mesmo ferreiros que faziam as ferraduras dos cavalos, de uma maneira grosseira, com a lamina sem corte, desta forma, a carne era dilacerada por impacto e não por corte, provocando dores lancinantes em especial na região dos seios. Santa Catarina de Alexandria sofreu na mesma roda e na arte litúrgica da Igreja ela é mostrada segurando a referida  roda com as pás de ferro.

As atas dos martírios eram escritas pelos escribas da época, que eram orientados no sentido de dar maior ênfase ao martírio e quase nenhuma ênfase ao cristão torturado. Os estudiosos dizem que era para que os cidadãos lessem as “Atas do Martírio” e se afastassem do cristianismo.

As relíquias de Santa Fortunata foram trasladadas para Nápoles no oitavo século e ela é muito venerada em Nápoles, Itália. A Ata do Martírio de Santa Fortunata é autêntica e sua festa está no Calendário Romano após 1969/70, quando todos os santos foram extensivamente examinados e vários foram excluídos ou confinados a festa local, se havia alguma dúvida com relação a autenticidade do seu martírio ou dos milagres creditados a sua intercessão. 

 Sua festa é celebrada no dia 14 de outubro.

Avatar de admin

por admin

São Francisco Caracciolo

29 de janeiro de 2010 em Santos da Igreja Catolica

Nascido na nobreza, ele era parente de Santo Thomas de Aquino e do Príncipe de Nápoles. Gostava de caçada. Certa vez aos 22 anos de idade ele curou um leproso com seu toque e tomou este fato como um sinal de sua vida. Ele vendeu todos os seus  bens, deu o dinheiro para os pobres foi estudar teologia em Nápoles em 1585. Ordenado em 1587. Entrou para a Cnfraria do Hábitos Brancos da Justiça( Bianchi della Giustizia) e pregava para os prisioneiros .Com João Agostinho Adorno ele fundou a Cngregaçao dos Frades Menores e passou a cuidar dos doentes e prisioneiros e receberam a aprovação do Papa Sixtus V em 1º de julho 1588 , e do Papa Gregório XIV em 18 de fevereiro de 1591 e do Papa Clemente VIII em 1º de junho de 1592.    

Escolhido superior da Congregação em Nápoles em 89 de marco de 1592 ele fez questão de fazer também as tarefas mais humildes da casa como varrer os corredores. Notável pelo seu trabalho junto aos pobres , era um fazedor de milagres e tinha o dom da profecia, e era um pregador muito popular em sua região, curava várias doenças apenas com sua benção e o sinal da cruz. O Papa Paulo V desejava que ele fosse Bispo mas recusou repetidamente, citando a o voto da Congregação que proibia aceitar qualquer alta posição na Igreja. No final de sua vida ele renunciou de suas funções e passou seu tempo em oração e a se preparar para a morte.

Varias vezes foi encontrado embaixo da escada da casa, em êxtase. No dia em que morreu, uma hora antes do amanhecer ele levantou-se e gritou :”Para o Céu” e logo depois  faleceu.

Faleceu em 4 de junho de 1608 em Agnone, Itália. Suas relíquias estão parte em Nápoles e parte em San Lorenzo in Lucina, Roma. Beatificado pelo Papa Clemente XIV em 1769 e canonizado em 24 de maio de 1807 pelo Papa Pio VII. É padroeiro da Associação dos cozinheiros italianos, escolhido em 1838. 

Sua festa é celebrada no dia 4 de junho.